Feminismo Radical é a única solução para a constante ‘má conduta sexual’ dos homens

O feminismo radical é o termo para aquele componente da segunda onda feminista (nos Estados Unidos, a fase do movimento que emergiu na década de 1960) que mais diretamente confrontou a exploração sexual masculina dos corpos das mulheres. Nas três décadas em que eu me envolvi com projetos feministas radicais, essa análise se tornou mais útil que nunca para explicar a crescente sociedade corrosiva, a normalização da exploração sexual e os níveis epidêmicos de violência sexual.

Read more